Plataforma Notícias Ordem Engenheiros Região Norte - Estudantes vencem competição internacional de navegação autónoma

Estudantes vencem competição internacional de navegação autónoma

Prémio 6 Setembro, 2021

A equipa C2SR-Atlantics, composta por estudantes de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores venceram primeiro lugar no 2021 Njord Challenge for Autonomous Vessel Navigation.

 

Os mares da Noruega foram o local escolhido para a aventura que levou a equipa C2SR-Atlantics, composta por cinco estudantes de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores e de Matemática Aplicada da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), à conquista do primeiro lugar no 2021 Njord Challenge for Autonomous Vessel Navigation, uma competição internacional de navegação autónoma que decorreu nos passados dias 18 e 19 de agosto, em Trondheim, Noruega.

A exploração de novas ideias e conceitos relacionados com a indústria naval autónoma era o principal objetivo da competição. Desafiados a criar e a desenhar sistemas de controlo autónomo de navios, os concorrentes enfrentaram problemas reais da indústria naval, contribuindo com conhecimento para a área da automação, inovação e soluções inteligentes e desenvolvendo uma rede de contactos de utilidade profissional futura.

O projeto vencedor, que trouxe para casa um prémio no valor de cerca de 2.400 euros, consistiu na criação de um sistema de navegação autónoma para um veículo marítimo em ambiente simulado.

A equipa é constituída por Gustavo Andrade, Paulo Silva, Francisco Neves, membros do Cyber-Physical Control Systems and Robotics (C2SR) pertencente ao Centro de Investigação em Sistemas e Tecnologias (SYSTEC) e ao Departamento de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores (DEEC) da FEUP, por Matheus Reis, estudante do doutoramento em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores e Rômulo Rodrigues, membro da equipa e estudante do Programa Doutoral em Matemática Aplicada da FEUP. A equipa contou ainda com a orientação de orientação de António Pedro Aguiar, membro da Ordem dos Engenheiros.

 

Fonte: Notícias UP